terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Obama e a importância dos Relacionamentos



Presidente EUA

Obama 2013


Alguns líderes vivem seguindo o mantra: "O inimigo do meu inimigo é meu amigo."

Barack Obama por outro lado, pergunta: "Porque tenho inimigos, afinal?".

Muitos julgam a filosofia de Obama como utópica. 
Para Barack Obama, porém, a postura de estender a mão e procurar uma base comum deu resultados positivos. 
Quem poderia imaginar que personalidades proeminentes tão diversas teriam em comum o apoio à Obama?

Enquanto outros podem ficar surpresos com o sucesso de Obama em conseguir esse arco tão amplo de apoio, o próprio presidente permaneceu confiante o tempo todo de seus resultados positivos.
Ele promoveu a prática de se relacionar com os outros e criar amizades em lugares incomuns durante toda sua carreira.

Obama sempre teve o desejo genuíno de unir pessoas e conseguir soluções "win-win" sempre que possível - uma mentalidade que lhe deu a reputação de líder  e lhe "marcou" como um novo tipo de político.

Quais as práticas e princípios que permitiram a Obama fazer tantos amigos em lugares incomuns?

  • Empregue o poder da análise:o lado pragmático dos amigos
    • Barack Obama está comprometido com o ideal de unidade e procura construir as coalizões mais amplas possíveis quando trata de questões importantes. Mas ele também reconhece a importância prática de juntar pessoas eficientes com poder para ajudar a conseguir seus objetivos.
    • Analisar aqueles que tem poder e aprender a ganhar o apoio deles tornou-se uma das ferramentas mais importantes do conjunto de capacidades de Obama.
  • Vá aonde estão os amigos
    • Se colocar aonde estão as pessoas influentes
  • Nunca se limite aos aliados de sempre
    • O pensamento é parte de sua experiência pessoal. Filho de pai africano negro e mãe branca do kansas, cresceu no Havaí e na Indonésia, e vivendo por um tempo com um padrasto asiático e avós brancos, aprendeu a avançar em meio à diversidade. Aprendeu a ver que as pessoas têm muitas coisas em comum e quando você as incita, elas geralmente respondem e estão dispostas a transcender e ultrapassar as quase irrelevantes linhas tradiciconais de divisão.
    • Obama descobriu desde cedo como desenvolver uma ampla base de amigos e cultivar uma grande variedade de relacionamentos.
    • Nunca se limite a ter amigos em lugares comuns
    • Esteja disposto a fazer amigos em lugares incomuns
  •  Empregue uma perspectiva "win-win" e uma mentalidade "para ambos"
    • Obama aprendeu que, se estiver disposto a ouvir as pessoas, é possível superar muitas diferenças que dominam o debate.
    • Mantendo seus princípios, sempre os defende enquanto procura construir consenso na busca e demonstração de soluções "win-win", além de persuadir outras pessoas de que tais soluções e posturas são viáveis, ajudando diretamente para assegurar o apoio de amigos em lugares incomuns.
  • Encontre uma base comum
    • Obama tem como prática identificar e iluminar a base comum, que ajuda as pessoas a acreditarem que uma aliança mutuamente benéfica pode florescer.
    • Obama demonstra grande habilidade em juntar pessoas de bases bastante diversificadas, ajudando-as a ver seus pontos em comum.
    • Cria uma sensação de "nós" onde geralmente outros só viam um "eu" contra "ele".
    • Várias práticas permitiram que construisse essas pontes, inspirando as pessoas, nos lugares incomuns, a apoiá-lo, cruzar as divisões tradicionais ou esquecer problemas do passado.
    • Obama procou ser igualmente eficiente no uso das aspirações, objetivos e valores comuns para forjar alianças valiosas.
  • Fale de forma compreensível
    • Bastante relacionado com sua prática de sublimar valores, as experiências ou histórias comuns, está o hábito de falar com amigos potenciais numa linguagemque ecoa neles. Essa prática ressalta a sua capacidade de se conectar com ouvintes.
  • Mantenha um olho no futuro
    • Obama adota um estilo de evitar o confronto sempre que possível, sabendo que pode precisar trabalhar em outras situações com as mesmas pessoas que poderiam se opor a seus objetivos imediatos.
    • Ele não teme o confronto ou as ações assertivas, mas tenta não queimar as pontes.
  • Respeite seus potenciais amigos
    • Poucas coisas podem atrapalhar tanto um relacionamento produtivo quanto o desrespeito.
    • Quando potenciais amigos se sentem desrespeitados, sobem as muralhas e se tornam intransigentes.
  • Reconheça que uma fotografia equivale a mil palavras
    • Obama abraça a visão de que a tarefa de fazer amigos é um processo dinâmico.
    • Fazer um amigo aqui pode levar a outro ali, já que um novo amigo cria influência para trazer outros apoiadores.
    • Por isso reconehce que a imagem é importante.
    • Se você tem apoio, exiba-os nos momentos certos. Quando feito de maneira correta, isso pode criar um efeito de bola de neve:quando faz amigos em lugares inesperados, outros aliados não tradicionais podem ser inspirados para olhar seriamente para você e avaliar a viabilidade de uma parceria frutífera.
  • Aumente o número de amigos,expanda sua rede
    • Um lider de sucesso alavanca seus amigos para construir uma rede expandida que pdoe ajudar a alcançar os objetivos indicados
  • Não guarde rancor
    • Obama toma cuidado para não guardar rancor de pessoas que, num momento ou em outro, não o apoiaram ou preferiram se opor explicitamente a ele ou a seu trabalho.


Fonte : Livro Liderança segundo Barack Obama
Autor: Shel Leanne
Editora Leya

Editora Leya



    Um comentário:

    1. Estou aqui hoje por um motivo mais que especial.
      Tenho que dizer que não foi fácil conseguir você para ser meu seguidor,
      foi muita motivação impulsionando com postagens e visitas...que atingi 300 seguidores
      Agradeço te convidando a visitar a florada do IPÊ junto comigo no FOLHAS DE OUTONO !
      Deixo o meu abraço recheado de carinho !!!!!

      ResponderExcluir