domingo, 20 de maio de 2012

Para sempre



No Dia das Mães ganhei das minhas filhas o livro Para Sempre.
O livro foi escrito pelos próprios personagens de uma história real.

Leitura emocionante e apaixonante, concluída em 5 noites.
(Sou do tipo que posso dormir às 3hs da manhã, depois de trabalhar até tarde, que não pego no sono sem ter lido pelo menos uns 2 parágrafos)

É o relato de um casamento que foi impactado por um evento traumático e que precisou ser reconstruído pelo casal, cuja opção, de formas bem distintas, foi a de preservarem os votos do matrimônio de "Amar e respeitar, um ao outro, até que a morte os separe"!

Um bom motivo para conhecer essa história, a preservação dos valores do casamento, da união do casal, do amor!

Selecionei um trecho que me impressionou, para compartilhar com vocês:

"Um de meus bons amigos, o compositor Billy Simon, escreveu a letra de uma canção intitulada A Man You Would Write About.
Nessa canção, ele fala sobre como gostaria de ser um homem cujas pessoas escreverão a respeito, e lerão sobre o que ele fez, mesmo mil anos após a sua morte.

Para mim, essa seria uma grande recompensa: viver uma vida tão plena que as pessoas ainda lerão sobre você após mil anos.

Mesmo assim, não acho que a recompensa seja esse reconhecimento: em vez disso a recompensa é perceber que você recebeu uma dádiva que pode ser usada para abençoar e inspirar as pessoas, de modo a ajudá-las a viver a vida da forma mais plena que lhes seja possível.

Um especialista em mídia me disse, certa vez, que cerca de 600 milhões de pessoas ao redor de todo o mundo já nos ouviram. 
Esse valor é o dobro da população dos  Estados Unidos. 

Entretanto, mesmo que tenhamos recebido uma oportunidade incrível de inspirar muita gente, as duas pessoas que eu mais quero inspirar são meus próprios filhos.

Mal posso esperar pelo dia em que eles possam ler este livro e entender tudo pelo que sua mãe e eu passamos. 

Acredito que compartilhar as experiências da vida, e aprender com elas, cria um forte alicerce familiar.

Certa vez, meu pai me disse: "Devolva tudo aquilo que lhe foi dado".

Este tem sido meu objetivo, e a maior de todas as bénçãos é poder observar meus filhos se preocuparem com os outros antes de se importarem com seus próprios desejos.

Eu vi meu filho defendendo os mais fracos e tendo que aguentar as consequências ao enfrentar outro garoto, um valentão maior do que ele.
Eu vi os dois, meu filho e minha filha, darem alguns de seus brinquedos preferidos para crianças que não tinham nada. 
Os dois continuam a me deixar maravilhado, colocando os outros em primeiro lugar.
...

Nossa família vive conforme três preceitos:

O primeiro é de sempre :
"fazer o que é certo".

Nosso segundo preceito é: 
"é importante se esforçar ao máximo".

Nós aprendemos que a vida é um bem precioso, e assim precisamos sempre agir com o máximo de presteza e esforço.

E o terceiro preceito é:  
"tenho dificuldades, mas juntos nós a vencemos".

Pense neste preceito por um momento.

Existem habilidades, ou campos do conhecimento, em que somos bons, e outros em que não somos tão bons.

Mesmo assim, juntos, nós ajudamos cada um a superar suas dificuldades.

Quando trabalhamos juntos e complementamos as habilidades uns dos outros, podemos realizar nossos sonhos de mãos dadas."


Agora é esperar o lançamento do filme, e conhecer a percepção do Diretor do filme, se está aderente com o que realizei da leitura do livro!

Fonte: 
Livro: Para Sempre
Autores: Kim e Krickitt Carpenter
Editora Novo Conceito

8 comentários:

  1. Sandrinha
    Amei a resenha do livro e ele já faz parte de minha próxima aquisição!!

    beijos, querida
    Uma excelente semana, que ela seja menos dura e corrida!!
    Sheyla.

    ResponderExcluir
  2. Minha amiga se 10% da população mundiasse pensasse assim e agisse de acordo, o mundo seria muito melhor.
    Um abraço e bom Domingo

    ResponderExcluir
  3. ouvi dizer que esse livro é excelente, Sandra. tb fiquei com vontade de ler. obrigado por apresentar o livro de uma maneira tão interessante.
    bom fim de semana

    ResponderExcluir
  4. Dia de domingo é dia de visitar os amigos mais queridos e desejar coisas boas ...
    Venho derramar sobre ti meu carinho mais doce para deixar seu domingo mais abençoado !!!!!!
    bjs de dia de domingo !!!

    ResponderExcluir
  5. Querida Sandra, AMEI a dica e sua avaliação do livro. Completo 12 anos de casada amanhã. Quantas situações temos que que superar em nossa vida conjugal, para crescermos, para aprenderemos e sermos cada dia mais felizes sabendo que se estamos juntos não é por acaso. Obrigada por esse seu espaço maravilhoso e pela pessoa especial que é. Beijos enormes.
    Elis Dias

    ResponderExcluir
  6. A verdade é que ninguém é uma ilha...
    beijinho

    ResponderExcluir
  7. Adorei saber !!!
    Mais um para minha lista, bjooss

    ResponderExcluir